sábado, 30 de agosto de 2014

2015 ? " ELLES" NÃO SABEM

Pronto! Agora o pau vai pegar...!  Segundo a última pesquisa sobre intenções de voto, Marina Silva já pega Dilma Roussef , logo no primeiro turno.  Agora é que essa mulher (Marina) vai levar bordoadas até dos anões.  Não vejo Marina como esperança.  Já cheguei a admirar essa mulher, mas, mudei de opinião ao me aprofundar mais nas suas questões.  A diferença entre mim, um militante ou um "valequalquercoisa", é essa!  Tenho  a liberdade de mudar de opinião sim!

Sempre escrevo o que sinto e sempre mantenho a crença de que posso estar errado. Dessa forma, não cultivo um pensamento linear cego. Me oriento pelos fatos e pela lógica. Por isso sou constantemente insultado nas redes sociais por petistas ou tucanos, hoje opositores polarizados. Digo hoje, porque já estiveram juntos e se separaram quando Lula chegou ao poder e decidiu então declarar a tal guerra do "nós contra eles" iniciando assim, o tão famoso ódio de que dizem, serem sempre as vítimas, sem atentar para que eles próprios (os petistas) é que semearam e cultivaram esse ódio.

Reinaldo Azevedo...sim, aquele colunista odiado pelos petistas, incluindo a revista para qual trabalha, disse recentemente que, "o PT não sabe como combater outro partido que não seja o PSDB"...olha que verdade.

O ódio é semente constante no PT.  Isso está configurado e até sacramentado em todo o governo Lula, e agora Dilma.  Existe até um vídeo comprobatório no youtube onde Marilena Chauí  diz isso com todas as letras, sílabas e tons para delírio e aplauso de Lula bem ao lado dela.  Ela, (Marilena),  ODEIA a classe média brasileira. Bem...se analisarmos que o PT diz ter incluído "milhões" de brasileiros nessa classe, então o ódio do partido frutificou e se multiplicou em milhões, não é mesmo?

Ricardo Kotscho, também em seu blog, diz que o ódio dos paulistas ao PT assusta.  Ora Ricardo, pelo que vejo, não é só o povo paulista não.  Se a população brasileira está cansada como demonstra isso claramente voltando-se para Marina Silva, é porque a coisa tá bem feia mesmo.  Não fosse assim, mesmo com tudo o que está aí, o PT seguiria forte e firme junto às suas "criaturas dependentes".  Não vai demorar para algum militante idiota dizer que o povo é mal agradecido...AGRADECER O QUE???  A dependência????

Em 2015, como já mencionei nesse meu bloguinho, estaremos correndo riscos absurdos na economia.  Tanto é assim, que Lula não quis nem saber de substituir Dilma.  Ele podia sim, mas NÃO QUIS.  Ele sabe que, vencendo, vai ter uma dor de cabeça impossível de administrar.  Já venho percebendo em diversos blogs, na área de comentários, alguns petistas conformados em perder essa eleição.  Muito provavelmente até desejem isso, já que a gigantesca irresponsabilidade, incompetência, e atos criminosos, irão ter seus resultados para os próximos mandatários cuidarem.  Como as desculpas petistas já estão caducando, (ninguém mais aguenta aquela ladainha de culpar a oposição, a mídia golpista, e agora o mercado internacional)  em suas fugas de responsabilidades, preferem enfiar as cabeças no buraco e esperar que outros possam socorrer o país, se degradando assim ,  politicamente com medidas impopulares.  Dessa forma, voltam depois e, novamente se locupletam de todos os benefícios conquistados chamando para si a criação dos que deram certo (mesmo sendo contra na criação e  aplicação) e criminalizando os que não deram, embora façam de forma até muito pior.

Reinaldo Azevedo agora se desespera em todos os seus posts que só se referem à Marina Silva e Ricardo Kotscho também desesperado demonstrando como anda a alma petista.  Enfim, essa mulher vai levar paulada de todos os lados.  Meu voto continua a ser nulo. Não vou levantar nenhum playboy, nem reacomodar uma incompetente, muito menos uma destrambelhada vazia!

Meu voto vai para que o Zé  (Deus) não seja tão duro com os brasileiros em 2015 e perdoe-os, pois...
...eles não sabem o que fazem!

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

DITADURA DE CONTROLE

Quando saímos da prisão da ditadura e conquistamos a liberdade da democracia, ficamos parecendo aqueles escravos que, ao final de anos de cativeiro brutal, não conseguiam se adaptar à liberdade recém conquistada. Eram então obrigados a viver em guetos ou praticar pequenos crimes para sobreviver.

Mas vivemos mesmo em democracia?  Temos essa certeza?  Ou estamos apenas numa outra forma de ditadura controlada.  É certo que, textos como esses que escrevo me trariam problemas sérios se vivêssemos ainda num governo controlador.  Mas no Brasil isso é necessário?  Pelo que vejo, não é!

Mesmo durante nosso período mais negro e mais fechado, existiam sim, algumas liberdades controladas. A coisa começou a feder mesmo quando aquele bando de terroristas tentou se apossar do país na base da truculência.  Tiveram a resposta à altura e se deram mal.  Hoje posam de defensores da democracia, quando na verdade, lutaram para implantar uma outra ditadura mais nos moldes daquelas já conhecidas exterminadoras de milhões de seres humanos. A história e os fatos comprovam isso claramente!

A desculpa atual é sempre a mesma.  Ainda somos uma jovem democracia. Certo!  Afinal de contas, democracia pressupõe liberdade de escolha e até para se escolher. Então por que nosso voto tem de ser obrigatório?  Por que o serviço militar também é obrigatório? Por que?  Não existe uma resposta satisfatória que embase essa "democracia".  Ainda criamos uma urna com fortes características fraudulentas.  Todos sabem que "não existe" sistema seguro!

Quando me vem com aquela ladainha de que o voto no Brasil "não é obrigatório"  eu respondo que;  "se não é obrigatório, é então facultativo?"  Obviamente não é!  Então é o que?

Nosso sistema político está caminhando rapidamente para a extenuação completa. A falta de confiabilidade, a descrença, o nojo por assim dizer da população em relação àqueles que querem "representá-la" só aumenta a cada pleito.  Muitos que discutiam comigo sobre a necessidade de se escolher ao menos o "menos pior" agora já sinalizam que; a depender do segundo turno irão anular o voto!  Ah é ...é?

Isso é o que acontece quando se milita em favor de alguém, e não de uma proposta real. Isso é o que acontece quando se usa só o passional e não o racional. Isso é o que acontece quando se quer qualquer porcaria, menos a que já está lá. Isso é o que acontece quando se acostumam a comer merda e sorrir sempre, mesmo tendo pago por  pratos finíssimos.

Eu até simpatizava com Marina Silva, embora tenha reconhecido agora, segundo o que vi, li, e ouvi dela, que parece não ser uma boa opção. Talvez até seja uma opção trágica mesmo.  Não tinha grandes esperanças nem gostava muito de Dilma,  afinal, não é ela que governa mesmo como todos sabem.  Também não nutro esperanças no Aécio Neves.  Isso já está cansativo. Todos pregam e querem o novo, querem mudanças, melhorias, e até milagres. Eu só quero uma coisa....."liberdade".

Quero um país verdadeiramente democrático e facultativo. Que não necessite escravizar o povo com bolsas assistencialistas ao custo de desprezar as verdadeiras necessidades assistenciais.

Quero leis que funcionem para todos igualmente sim. Descomplicadas, rápidas e eficientes.

Porém, todos prometem justamente o contrário.  Querem manter o assistencialismo e até institucionalizá-lo. Querem manter os mesmos moldes que já estão desmoronando mas que lhes permitem estar lá sempre e sempre e sempre como deusas e deuses do poder absoluto.

E justamente por querer isso, é que mais uma vez vou "anular meu voto".  Sei que mais e mais pessoas irão fazer isso com o passar do tempo e então,  a nossa "democracia" ficará exposta ao mundo como a vergonha que é.  Como a farsa que realmente é. Como a ditadura de controle que está começando a ruir.

As ruas ainda virão dar mais respostas em 2015, 16, ou 17...

...com certeza darão!

domingo, 24 de agosto de 2014

CULTURA DO DESPERDÍCIO

Quando residi em Campo Grande no Mato Grosso do Sul durante os anos 80, costumava verificar nas beiras de estradas daquela região, um montante de grãos exagerado. O acostamento ficava forrado de soja que era , e ainda é, a cultura principal daquele chão. Me lembro da repulsa que sentia vendo todo aquele desperdício causado pelo transporte rodoviário precário em carretas pelas estradas muitas vezes em péssimas condições.

Desperdiçar nesse país, é quase uma cultura. A começar dentro das próprias residências e se espalhando por todo o território nacional.  Desperdiçamos tudo e em quantidades absurdas. Mas o pior de todos os desperdícios, no entanto, é o desperdício de idéias.  Muitas vezes, idéias simples, vinda de pessoas também simples e isentas de parâmetros complexos acabam funcionando melhor do que parafernálias complexas e rocambolescas engendradas por técnicos, engenheiros e doutores.

Somemos o volume monetário que é desperdiçado no Brasil na forma de corrupção, juntemos ao volume de desperdício em alimentos, de materiais da construção civil,  de tempo perdido em congestionamentos, de vidas perdidas de diversas formas consideradas evitáveis. Acrescente ainda os recursos mal empregados e aqueles que simplesmente são abandonados.  Se somarmos tudo isso e mais alguns outros desperdícios de recursos naturais, além de outros, teremos um montante anual que deve atingir uma cifra correspondente à 100%  do PIB de alguns países europeus.  Não apenas um, mas vários países.

Atualmente estamos passando por uma crise hídrica sem precedentes. Mas a culpa não é só dos governantes. É nossa também. A água sempre foi muito barata no Brasil. Desde pequeno ouço dizerem do espanto de estrangeiros com o uso que fazemos de água tratada. Então, merecemos o castigo!

Já deixei uma sugestão simples aqui sobre essa questão da água.  Pena que o governante que tomar uma iniciativa como essa, seja apedrejado politicamente, mas é necessário.
A sugestão seria - respeitando-se a classe social -  aumentar o custo da água tratada de forma considerável para que se reduzam os desperdícios.  Mas também premiar aqueles que se comprometem a usar de forma racional o produto.
Por que uma residência necessita de piscinas?  A maior parte do tempo não é usada!!!!  Basta o órgão governamental aumentar consideravelmente o IPTU de acordo com o volume usado nela e agraciar com o desconto no IPTU daqueles que construírem cisternas de contenção de águas de chuva ou reaproveitamento em suas casas.  Dessa forma, pode-se obter recursos maiores que seriam reaplicados nas estações de tratamento e companhias de águas devidamente mais organizadas.  Parte desses recursos poderiam também financiar algum projeto melhor de bombeamento de água da bacia amazônica para a região do nordeste, sem a necessidade da tal transposição do Rio São Francisco que nunca é concluída sendo, mais um desperdício de dinheiro público.
Transportamos gás, petróleo e derivados através de infindáveis tubulações e não podemos usar o mesmo método com água???  Os romanos da antiguidade construíram quilômetros de aquedutos com uma tecnologia precária com  pedras talhadas e guindastes de madeira. Atravessaram montanhas e vales mas conseguiram suprir suas necessidades.
Por que temos que ficar cavocando valetas para deixá-las que o tempo as destrua novamente e mostrar isso como a obra do século?  Ficamos assim só eternizando a esperança do povo nordestino que acredita e vota naquilo que nunca chega.  E muito provavelmente, quando chegar, serão expulsos de suas terras por aqueles que fatalmente passarão a ter interesse naquela região!

Ah Robson, tudo isso é bacana, mas não funciona. Então tá!  Ainda corremos o risco de ficar sem água nenhuma, e pior ainda, sem energia elétrica, já que os petistas metem o pau nos tucanos pela falta de água de beber sabendo que, para se beber pode-se usar as águas minerais, enquanto esquecem que as hidrelétricas estão também no limite.

Enquanto essa corja quebra-o-pau, os hematomas resultantes serão sempre nossos!
Mas fazemos por merecê-los.


sábado, 23 de agosto de 2014

TIJOLO ECOLÓGICO - ALGUMAS DICAS IMPORTANTES

Tenho recebido muitas visitas na fábrica, de pessoas interessadas em adquirir máquinas, ou já com elas, tirando suas dúvidas. Fiz então um apanhado de algumas e percebi o quanto tem de pessoas mal intencionadas empurrando estrovengas e tomando o dinheiro de alguns sonhadores em abrir um negócio próprio dentro desse segmento.
Deixo sempre claro que não quero desanimar ninguém. Procuro ser o mais realista e sincero possível. Não vejo outros fabricantes como concorrentes, como já deixei isso claro. Vejo como parceiros, desde que simplesmente façam um produto de qualidade.
A concorrência se restringe apenas aos outros produtos tradicionais no mercado como os blocos de concreto que, na minha opinião, deveria ser somente para a indústria e comércio e não para residências.

Já deixei alguns textos nesse blog a respeito das máquinas e de processos de confecção que fui acompanhando durante os últimos 14 anos em que estou no mercado. Vi muitas fábricas abrirem e fecharem, muitas mesmo!  Posso dizer que só estou insistindo por pura convicção e crença, não só no produto, mas no sistema construtivo que, sem sombra de dúvidas, é o mais econômico, saudável, e rápido.

Mas o que tem de gente comprando parafernálias e depois se arrependendo dava para escrever um livro.
Então, eu posso dar algumas dicas que talvez ajudem algumas pessoas a dar um passo um pouco mais seguro e não cair em armadilhas simples como ter na região um solo ruim, ou esbarrar num mercado agressivo que o atropele.

A primeira coisa que se deve verificar antes de qualquer outra é o tipo de solo que se tem na região onde se vai fabricar o solo-cimento. O ideal é o solo mais arenoso com pouca argila.  Mas se não for apropriado, tudo bem, sempre se pode corrigi-lo, desde que se tenha ciência de que isso vai representar mais um custo, é óbvio.

O segundo passo é escolher o tipo de equipamento que se vai usar.  Sempre aconselho aos iniciantes a começar com máquinas manuais por várias razões muito simples. São mais baratas, praticamente não tem manutenção, produzem muito mais em função de não ficarem paradas para essas mesmas manutenções, enfim, utilizam mão de obra menos qualificadas e mais baratas.  Caso o mercado absorva quantidades mais expressivas, aí sim, pode-se optar por equipamentos mais gabaritados, porém, sempre observando certos cuidados como contratar pessoas mais capacitadas e cuidadosas já que determinados equipamentos assim o exigem.

Buscar no mercado parcerias também é muito importante. Construtoras, empreiteiros, até simpatizantes, pois  tem seus valores agregados e são importantíssimos.

Questionar à exaustão os fornecedores de equipamentos e não ficar somente no encantamento de ver peças rolando, girando, saltando ou dando piruetas!  Muito barulho e movimento significam mais peças para se manter em ordem e consequentemente mais custos operacionais e de manutenção.

Procurar sempre um layout que atenda ao máximo as necessidades do negócio.  Tudo deve ter seu espaço e sua destinação próprias. Não dá pra se fabricar dentro de determinados espaços restritos  já que é preciso também transportar e estocar tanto o produto como os insumos.

O básico na confecção, tanto em máquinas simples como as mais complexas, se limita em ; preparar o material (mistura) no traço desejado para o destino que lhe for aplicado,. e dosá-lo dentro de câmaras de compressão para a suficiente moldagem e logo depois a cura em umidade extrema.

O traço pode ser a critério de cada função. Um produto que vai ser aparente, deve ter um traço mais reforçado, já um que será emboçado (rebocado) , nem tanto. Porém, um traço que sempre sigo é o de 7 x 1, ou seja; 7 partes de solo arenoso para 1 parte de cimento.
Existem fabricantes de máquinas que jogam lá um cálculo de 10, 15, até 20 x 1 tentando mostrar um lucro maior para quem vai fabricar. Bem...eles querem vender as máquinas.  Mas para tudo existe uma lógica. O cimento me representa cerca de 55% do custo de produção. Se usar menos, lógico que terei mais lucro. Se fizer um traço fortíssimo também terei prejuízo.  Para tudo deve existir um equilíbrio sensato!  Se for demasiadamente para um lado poderá ter surpresas numa vara de processos, se for demasiadamente para o outro a surpresa será na agência bancária.  Enfim.

A mistura deve ser bem feita em TRITURADORES.  Esqueçam betoneiras que são para produzir concreto e misturadores que são para a confecção de blocos.  Os trituradores é que são para o solo-cimento e fim de papo.  Mas se querem insistir, vou explicar o porque.  Betoneiras são lentas e produzem mais "bolinhas" de terra. A não ser que você queira entrar no ramo de paisagismo competindo com os fabricantes de bolinhas de argila expandida, esqueça.  Já os misturadores também são lentos e só serviriam para produtos mais secos ou com granulação mas expressiva. Não servem para o solo-cimento. Fazem muita papa.

Os trituradores trabalham com facas (sem fio) que giram em alta rotação e "explodem" os torrões junto com o cimento. Na primeira passada esse trabalho é feito e, numa segunda operação, acabam por homogenizar o material de forma mais adequada.
E importantíssimo passar então essas duas vezes pelo mesmo processo.

Toda prensa deve ter uma regulagem de altura e outra de dosagem.  A primeira pode regular a pressão e força de compactação, já a segunda, a quantidade de material a ser prensado. Isso porque, dependendo da umidade do material, deve-se colocar mais ou menos dentro da câmara.

Prensas hidráulicas exigem cuidados importantes como retentores extras para trocas rápidas, além de constantes observações nos mecanismos e níveis de óleo e radiador. Prensas manuais precisam apenas eventualmente de pequenos reparos como raramente algumas soldas ou embuchamentos ocasionais, porém, o melhor mesmo é a substituição do equipamento por um novo a cada ciclo produtivo a cargo do fabricante.
Já as prensas mecânicas exigem cuidados mais constantes pois funcionam em sistemas de êmbolos e engrenagens. Não tenho conhecimento ainda sobre as pneumáticas.

Cada uma dessas dicas que postei, e que, espero, possam  ajudar alguém, tem muitos "macetes" embutidos que obviamente não dá pra descrever aqui.  Se quiserem fazer perguntas, podem usar a área de comentários que sempre que puder eu vou ajudar.

Caso queiram também me contatar para parcerias em construções, sigam o mesmo processo na área de comentários.  Em solicitações particulares, podem usar o e-mail   nosbornar@gmail.com.

Boa sorte a todos!








segunda-feira, 11 de agosto de 2014

O QUE QUER ALLAH AFINAL? O QUE QUER O SOCIAL?...SÓ SANGUE?

A situação atual do Iraque começa a se revelar preocupante.  Já existem vídeos horríveis produzidos pelos próprios Jihadistas  mostrando os atos que praticam. Quase todos com os rostos tapados como nossos black blocs.  A diferença está nos apetrechos e fuzis com que executam jovens velhos e crianças. São animais doentes. Estão recrutando cada vez mais monstros pelo mundo. O chefe quer fundar um "Califado" e reinar absoluto pela imposição da força. Tal qual fazem os esquerdistas que, se não conseguem de uma maneira, tentam de outra. Ou vai na força ou vai no jeito pra depois impor a força.
Não vejo muita diferença dos chineses por exemplo que executam civis em praça pública com dois guardas segurando um braço de cada lado e um terceiro dispara à queima roupa na cabeça de homens e mulheres jovens. Ou os apedrejamentos das mulheres no Irã, enfim, o mundo volta a enlouquecer. Se os americanos não tivessem entrado no Iraque, também não teriam que sair da forma como fizeram.
Tento não culpar os povos árabes em geral, mas vendo essas carnificinas maometanas e sabendo agora que "CRISTÃOS" estão sendo executados e até crucificados mexe com meus instintos.
Os muçulmanos insistem em dizer que esses são extremistas e que seguem o Corão por outras vias, mas o que fazem para impedir?  O que fazem os outros povos árabes?  Não fazem nada. Se calam e não se intrometem. Para mim, estão é satisfeitos por alguns estarem fazendo o "trabalho sujo" que eles mesmo aprovam de forma contida.
Quero ver agora o mundo criticar os bombardeios americanos em cima desses terroristas. Quero ver criticarem os israelenses por estarem; mesmo que tomando todos os cuidados, vitimando palestinos civis em Gaza.  Fico imaginando como nosso governo deve vibrar com as atitudes do amigo Bassar Al Assad  o assassino sírio.  Já idolatram outros assassinos mesmo. Os Castros são apenas um aperitivo.

Agora então os Ucranianos que desejam viver em democracia plena e fazerem parte do mercado europeu também aguardam uma invasão russa pelo leste. Os amáveis comunistas querem mesmo é o país inteiro e não tão somente a Criméia.

Todas essas "sub-raças" são movidas por poder e dinheiro. Todos criticam o luxo e abominam o capitalismo, só que alguns se utilizam de uma religião como arma e outros apelam ao tal socialismo.

No final das contas, querem mesmo e viver às custas daqueles que; se reclamarem...morrem por suas mãos.

Já passou da hora dos velhos tigres brancos começarem a se mover.

Pois os chacais já superpovoaram as planícies...!

sábado, 9 de agosto de 2014

FATOS, FITAS, E SUGESTÕES

Sim...São Paulo está secando.  Isso é um fato!  É culpa da administração estadual? sim, é! Mas todos nós também somos culpados.  É preciso reconhecer que desperdiçamos  não só água, mas toda uma série de produtos que, em outros países, podem até sofrer pesadas penalidades.
O consumismo impõe um ciclo frenético de produção e essa produção exige o uso cada vez maior de insumos naturais. O Brasil é riquíssimo nesses recursos naturais, porém, e sempre existirá um porém, não pode suportar uma demanda desenfreadamente crescente de desperdícios .  Para tudo há um limite!

Parece que a questão se tornou apenas política com um lado acusando o outro. Só que esquecem dos efeitos destrutivos que as secas já causaram e ainda causam no restante do país. Na Amazônia em 2010 quando rios simplesmente secaram impedindo até a navegação de pequenas embarcações, e na região sul em 2005, 2009 e 2012.  Seriam essas também culpa dos governantes somente?  Então o que se pode dizer da precariedade dos reservatórios na produção de energia elétrica?

A questão é política na parte que confere o desrespeito às leis naturais e na prevenção contra racionamentos, mas também é cultural quando se percebem o desrespeito dos cidadãos a essas mesmas leis.

Existem infindáveis maneiras de se prevenirem esses desastres.  Uma sugestão minha, seria um respeito maior quanto ao uso da água pela população na parte administrativa municipal.  Que tal diminuir o IPTU para residências que possuam cisternas de captação de água das chuvas? Na mesma medida um aumento equivalente em quem possui piscinas em suas residências.  Ambas podem ser calculadas a partir da capacidade volumétrica tanto das cisternas quanto das piscinas.

A falta de água num país como o nosso causa consequências seríssimas. Nossa dependência desse recurso valioso é total.  Que tal então adquirir uma cisterna e acoplá-la às calhas?




quarta-feira, 6 de agosto de 2014

POLÍTICA É UM SACO. MAS QUE DEVE SER BEM CHUTADO

Graças a prostituição da nossa política onde partidos "se vendem" em alianças perfeitamente questionáveis, teremos um espetáculo quase diário durante a campanha nas TV's.   Fico aqui imaginando o que o PT irá realmente propôr de sério ao eleitorado!  Muito provavelmente teremos aquelas detestáveis musiquinhas de fundo com vozes aveludadas e de perfeitíssima dicção apresentadas por rostos sorridentes e angelicais descrevendo o que eles ""não vão fazer""!!!

Qualquer animal pode perfeitamente constatar o que foi prometido e comparar com o que foi realmente feito nesse último governo. A situação econômica prova isso.  A segurança pública, a saúde pública, a infraestrutura, enfim...a educação então, nem pensar.

Perdemos a enorme oportunidade de ocupar um espaço mais evidente no cenário mundial quando todas as nações entraram em crise profunda e as tais "commodities" apresentavam um resultado extraordinário. Perdemos a oportunidade de ficarmos calados quando necessário e de cobrarmos veementemente outras atitudes, enfim.  Fechamos os olhos para o mundo e olhamos apenas para os próprios umbigos verde-amarelos.  Apoiamos descaradamente ditaduras, incentivamos o comércio de escravos, alimentamos a força opressiva de tiranos, e toda uma salada salpicada de ingredientes ácidos que agora ameaçam corroer por completo a nossa política externa.

Mas o espetáculo fica mesmo por conta da política interna. Essa, parece, não tem mais salvação.  Não se pode mais cobrar de um petista alguma coerência, muito menos sequer alguma consciência, quem diria então qualquer resquício de inteligência.  Fecharam os olhos de vez, baixaram as cabeças e querem chifrar tudo e todos em seu caminho.

A última batalha se resume nos escândalos da farsa da CPI  com o caso do Aeroporto mineiro.   Mais um escândalo de corrupção, já outro, novamente de uma gravidade que afronta uma instituição democrática. Não se contentam em cometer delitos de alçada da perniciosa corrupção. Querem porque querem destruir as instituições do país de qualquer maneira. Seja aparelhando, seja ameaçando, criando dossiês, desqualificando, mentindo, disfarçando, maquiando, e por fim, tirando o corpo fora quando são cobrados acusando sempre algum órgão de imprensa, a oposição, ou qualquer outra instituição republicana sagrada dentro dos preceitos democráticos que lhes contrariem.

Se o Senador e candidato a presidência Aécio Neves se enrolou e se complicou, então que seja exemplarmente punido e que apodreça na cadeia.  Mas o mesmo devem aceitar aqueles que cometem os crimes até mais graves que ultrapassam a linha corrupta e adentram a do golpe puro e simples.

Acho que o brasileiro não se deu conta ainda da realidade que está se desenhando caso o PT continue.
Nossos cidadãos das classes pobres, médias (já declaradamente odiadas por eles) e da alta, parece não terem se dado conta suficiente do que vem por ai.

O governo vai ter mais de meia-hora de propaganda para dizer ..."o que?"""

Chorar uma perseguição cruel?  Se vitimizar novamente culpando as tais "elites"?

Prometer o que?  Construir mais obras no exterior para ajudar assassinos confessos? Apoiar descaradamente outras tiranias golpistas?  Calar a imprensa nacional que não conseguirem comprar ou aparelhar?

Ainda se tivessem humildade e não ficassem conclamando desde o início que eram e são o partido dos santos e indefesos. Que foram e são os únicos que levarão esse país ao paraíso.  Que só eles é que tem boas propostas e excelentes mecanismos para resolver tudo...!
Se não fossem arrogantes ao extremo para reconhecer que existiram avanços antes de começarem a atuar e que mesmo sabotando por todos os meios esses avanços que agora usam como trampolim seguro para se sustentar no poder ainda assim, continuam criticando e demonizando todos os que não concordam com suas virtudes.

Eu tenho pena do próximo governante dessa bagunça.  Não é a toa que Lula não quis se candidatar de jeito nenhum.  Ele não é louco de sentar nesse rabo-de-foguete com as tarifas nas alturas e totalmente represadas por tanto tempo.  Quando as eleições passarem, o dique rachado vai se romper e o tsunami vai mostrar o porque de não se brincar com forças tão poderosas.

Talvez até o PT não queira tanto essa tarefa. Seria melhor fazer como antes.

Deixar alguém montar esse bicho e se matar para resolver para só depois com as oposições em frangalhos voltar e ..."sempre aproveitando" o que foi criado se restabelecer novamente no pode para gastar e se esbaldar no que foi tão dificilmente conquistado.

É o tal de colher o que os outros plantam e gritar aos cinco ventos que foram os artistas únicos da bem aventurança.
Me dizem que sou um dos que torce para o quanto pior melhor... talvez a oposição faça isso, eu e milhões de brasileiros não.  Só os mesmos militantes ou militontos que já fizeram muito disso no passado e agora reclamam do gosto do mesmo remédio é que assim procedem.
Seus interesses não são de Brasil...
...são de partido e é só.