Postagens

Mostrando postagens de 2016

RESPOSTAS ÍNTIMAS

Somos seres viventes dentro de uma dimensão, só que existem infindáveis dimensões. Vamos excetuar aqui o misticismo religioso que vem de diversas interpretações. Somos seres que captam, alguns mais, outros menos, as ondas ou energias dessas outras dimensões. Quando estamos calmos, relaxados, com pensamentos coerentes, estamos em sintonia com energias dessa nossa dimensão. Mas quando nos alteramos, quando nos sentimos dentro dos aspectos colocados como os 7 pecados capitais, então sim, estamos captando energias de outras dimensões e seus seres menos evoluídos. As religiões os chamam de espíritos ou almas diabólicas. Já penso serem os seres extra dimensionais ainda em processo evolutivo.
Raramente temos a oportunidade de captar os seres mais evoluídos, porque eles pouco se interessam por nós, não por uma questão de abandono, mas por saberem que nós iremos evoluir quer queiramos ou não. É só uma questão de tempo que eles sabem não ter significado no eterno. A lenda do demônio só …

2016 VAI FECHANDO AS CORTINAS

Estamos finalizando 2016 sem motivos para comemorar.  Pior, sem qualquer esperança de que em 2017 possa melhorar.   Os caminhos que se apresentam, ora nos indicam alguma melhora pra logo em seguida se perderem num emaranhado de bifurcações e até trifurcações complicadas,  ou então sinalizam que até aquele ponto chegamos, mas não há mais como seguir adiante.

Estamos praticamente em guerra.  Basta assistir ao pitoresco embate, ou queda de braço entre os três Poderes da República.  O Legislativo em conflito com o Judiciário que ameaça o Executivo, esse , por sua vez, se esquiva e utiliza o Legislativo contra o Judiciário. Uma guerra insana em que vez por outra a própria Constituição é estuprada sem piedade.  Todos defendendo apenas os próprios interesses, sem atentar para a realidade brasileira que, para eles, parece ser a de outro país, não aquele em que efetivamente se encontram.

O clamor das ruas cessa de um lado, ameaça de outro, interfere em mais outro, cada qual tentando assumir ou…

PLANO DE VOO

Foi só mais um acidente dentro dos inúmeros já ocorridos.  Só que a imprensa movida à sangue insiste em dramatizar ao máximo e explorar ilimitadamente o fato.  Tudo bem, até certo ponto é louvável porque nos informa da precariedade regional de algumas companhias pequenas, embora até as grandes também devam esconder alguns podres que, como sempre, acabam por serem descobertos da pior maneira e com os maiores custos.

Pane seca.  Essa é a provável e, por enquanto, a única explicação.  Tudo leva a crer que o piloto deliberadamente jogou roleta russa com todos à bordo, inclusive ele próprio.

O importante era cortar custos.   Até agora o que se apurou, foi de que o pessoal da companhia insistiu num plano de voo quase suicida !   Não havia margem de segurança, não havia espaço para margem de manobras, tudo foi feito "nas coxas"  como se costuma dizer.

Mas como todo acidente aéreo tem uma sequência de erros cometidos, esse também não foi diferente.
Por estarem acostumados a fazer ex…

CAMPO MINADO

Já dizia o ditado..."em casa que falta pão, todos brigam e ninguém tem razão"...!    Continuamos caminhando para a escassez desse pão, simbolizado pelo entendimento, já que parece que todos se unem contra todos.  O Brasil parece ter se tornado um agrupamento de tribos diversas que se digladiam entre si.

O PT deixou um terreno podre e estéril durante sua passagem, dividiu o país no tal "nós contra eles", transformou em demônios e inimigos quem não compactuava com suas idéias, mas também deixou um solo fértil  para se desenvolverem as sementes dos desacordos e conflitos.

Vejo agora que o MPF está em conflito declarado com o Congresso por conta da aprovação da lei que inclui os juristas como potencialmente imputáveis.  Ainda há um longo caminho que segue pelo Senado e depois para a Presidência, chegando finalmente ao STF.

É o caminho democrático, no entanto, dizem que, se for aprovada essa lei, irão abandonar seus postos.
A operação Lava Jato corre o risco de simple…

É Brasil ou Pobril ?

E o velho lobo-do-mar, de posse do timão, não sabe o que fazer com ele.  Estamos mesmo caminhando para um colapso generalizado.  A maior prova desse fato, foi em pleno domingo na hora do almoço, assistir os três presidentes;  do Senado, da  Câmara dos Deputados e da Presidência da República, tentando se explicarem.   Todas as vezes em que alguma explicação se fez necessária, ela não foi feita.  Esperaram sempre o caldo engrossar para, só assim, correrem à tentar apagar os incêndios.  

Esse governo, me parece ser  o  único com poderes reais de tentar mudar as coisas e fazer as reformas necessárias na economia, na previdência, na política, mas fica pra lá e pra cá ao sabor das infindáveis vaciladas e perdendo um preciosíssimo tempo.

Deixam as pequenas bobagens se transformarem em verdadeiras tsunamis.  Houvessem tomado atitudes rápidas, não teriam que correr a apagar o fogaréu....e pior... com gasolina!!!!

A economia continua se deteriorando, a confiança se esvai a cada dia.  Protestos …

DICAS DE FELICIDADE

Imagem
Eis a felicidade mais feliz.   Acorde pela manhã com um belo sorriso e não ouça outra coisa que não suas canções ao ir se lavar.  Cante, cante, até afinar as cordas e continue sorrindo.  Não ouça o rádio, para não ficar sabendo de nada que lhe tire a alegria e a felicidade.  Só fale com amigos que estejam focados em festas, moda, praia, baladas, enfim.  No trabalho, continue sua vida feliz trabalhando e cantando. Uma sugestão é aquela antiga "Soy latino americano e nunca me engano" ... do Zé Rodrix.

Não leia o jornal, não assista o jornal, não olhe sequer para uma banca de revista caso esteja na rua.  Ignore aqueles seres amaldiçoados deitados nas calçadas, apenas  com o intuito de lhe estragar a felicidade.

Continue cantando,  Passe por aqueles remelentos esfomeados, sambando com os olhos meio fechados ao compasso do Zeca Pagodinho no "Deixa a vida me levar, vida leva eu..."

Jamais olhe qualquer fila, pois podem ser de desempregados e esses são os piores.  Sempre …

ENTRE O PASSAPORTE OU O FUZIL

Quando penso que nada mais pode me surpreender, observo que a vida sempre pode sim, nos reservar desagradáveis surpresas a cada esquina.  Existem sim, fatos bonitos, histórias bonitas, mas enfim, o que sempre nos dá aquele choque desagradável, é o que supera todos os outros.

Alguns dias após ser surpreendido com a vitória daquele panaca americano e, após o susto, apenas lamentar a escolha que, acho eu, seria a pior, mas isso é com eles,  tomo conhecimento que meu advogado, através de uma procuração, surrupiou o valor em litígio que havia sido bloqueado em conta e que já havia sido liberado.  Agora é percorrer outra via crucis para recuperar os valores.  Desanimado, cansado, já nem encontro mais ânimo para nada.  As noticias se sucedem como vermes procriando.  Cada vez mais corrupção, ladroagem, desvios, inoperâncias, incompetências, crimes , impunidades,  Ah !

É certo que tem coisa boa, como o alento de ontem o Brasil vencer a Argentina no Mineirão, mas como eu disse, são homeopatias …

AOS QUE NÃO ME REPRESENTAM

Qual o significado do voto?  Pelo que eu sei, é instrumento pelo qual, um povo escolhe um cidadão que irá representá-lo e defender seus interesses dentro de uma democracia.  Uma democracia, por sua vez, impõe que esse representante escolhido por maioria, aja de acordo com regras estabelecidas e que ninguém parece se interessar muito por elas após o pleito.  Dessa forma é que surgem os populistas, os vigaristas de plantão.  
Faz muito tempo que optei pelo "não voto", simplesmente por não confiar em nenhum desses que se apresentam.   E vejo que tinha toda a razão.  Já fui muito criticado por isso com pessoas me dizendo que eu não estou exercendo minha cidadania, minha escolha, que estou ajudando o outro, enfim, uma apelação que nunca me convenceu.
Primeiro;  não estamos em uma democracia plena, até pelo fato de o voto ser ainda obrigatório, mesmo que alguns insistam que não é.  Mas é!!!!
Segundo;  não confio nesse sistema político, muito menos no sistema eleitoral com urnas e…

SE NINGUÉM GANHA, TODOS PERDEM.

A maior discussão do momento é a tal PEC 241.  Uma Proposta de Emenda Constitucional que já passou por duas votações na Câmara dos Deputados e agora segue para mais duas apreciações no Senado.  Tudo seguindo os trâmites legais.

O debate segue paralelo à grandes confusões e enormes tentativas de obstrução.  A oposição, embora não apresente quaisquer outras alternativas viáveis para tentarmos sair desse atoleiro financeiro, se contenta apenas em criticar, e tentar impedir por todos os meios a sua aprovação final.

Da parte do governo, existe o pecado maior de não instruir devidamente a população sobre o real significado da proposta, deixando margem para que possam sugerir e imaginar aspectos terríveis da sua aplicação.

A maior e mais alardeada é sobre a Saúde Pública.  Em seguida vem a Educação.

Ora, uma proposta, depois de aplicada, pode muito bem ser modificada caso haja necessidade.  Pode ser alterada, adaptada, enfim, moldada à realidade ou necessidade do momento.  Eu até entendo so…

# FAAAAALA CUNHA !!!!

Imagem
Eita!!!!  Há um cheiro de pólvora nos ares políticos brasileiros.  Ontem foi preso o ex-deputado, e ex-Presidente da Câmara de Deputados, Eduardo Cunha.  Finalmente!!!!

A maioria da "deputaiada" entrou e obsequioso e insinuante silêncio, com exceção apenas dos declaradamente adversários, todos os outros, nem tão discretamente, abandonaram o plenário da Câmara, e foram se refugiar em seus gabinetes, ou se pendurarem em seus telefones.  Excelente oportunidade para se gravarem as conversas.  Pena que a Justiça não permite....fazer o que.

Hoje, quase ninguém dando declarações.  Todos, ou quase todos mudos.  Cunha é agora um barril de pólvora em cujo estopim, Sérgio Moro colocou fogo.  O ex-dono-do-mundo  está agora  preso num cubículo de 12 metros quadrados, andando de lá pra cá e de cá pra lá, maquinando seus próximos passos.  Vai continuar um livro que está escrevendo sobre COMO FUNCIONA A NOSSA DEMOCRACIA DE VERDADE.

Situação e oposição, encontram-se nesse momento em alerta r…

INFERNO NO CÉU

Fico imaginando um mundo diferente.  Utópico, porém, divertido em se imaginar.  Poético? nem um pouco.  Mas tenho certeza de que muitos gostariam que fosse assim, só que não costumam questionar o porque de não sê-lo.

Para muitos, e muitos, o mundo ideal deveria ser pacífico, sem diferenças sociais, sem disputas, sem discussões, sem conflitos nem preconceitos.  Nem precisaríamos de leis, já que todos saberiam a parte que lhe cabe e os limites a que podem chegar.

Um mundo sem guerras, sem fome, com doenças perfeitamente controláveis, enfim... um paraíso!

...ou talvez...

o próprio inferno!

Habitamos um mundo que aparentemente não foi muito justo com alguns povos, seja pelo clima, pela geografia, pelas riquezas naturais, enfim, tudo foi até que injustamente distribuído inclusive parecendo de forma proposital.  A competição impera até mesmo antes do próprio nascimento de cada ser que se vê obrigado a seguir uma disputa ferrenha contra milhões de outros, a fim de poder simplesmente, nascer…

ROMPENDO A CASCA

Lendo algumas matérias por esses tempos sobre novas descobertas de planetas possivelmente com água, e atmosfera viável à exploração, fico filosofando enquanto observo a imensidão escura em noite calma.

Existe um silêncio sepulcral naquele infinito que se descortina além da visão, até da imaginação.  Mundos gigantescos, galáxias, nebulosas, enfim, suponho que escape além da nossa tão limitada imaginação.

Um assunto que sempre me intrigou, e tive muito contato com ele nos idos anos 80, foi a respeito de existir ou não outras formas de vida no universo.  Parto do pressuposto também de que seria um imenso desperdício não haver.  Então, havendo, mesmo que se descubram organismos microscópicos nas luas que orbitam alguns planetas como Europa de Júpiter, ou tantas outras, enfim, se existirem vidas ainda nesse estágio inicial, também pode significar que devem existir vidas mais complexas.

Outro desperdício, agora  de conhecimento, seria se morrêssemos  sem saber!

Por outro lado, quando nos c…

ENQUANTO NÃO CHEGA O VERÃO

Eu deveria estar feliz em ver uma mudança começando.  Eu deveria estar exultante em perceber o quanto estava certo em sempre anular meu voto como forma de protesto e não ter sido quase um cúmplice de tanta maldade que fizeram e ainda fazem com o nosso país.  Eu deveria estar alegre por enxergar algo que muitos não conseguiam.  Mas, enfim, não estou não!

Sempre que compareço à urna e anulo meu voto, acabo por me sentir mal.  Ontem não foi diferente.  A A única mudança substancial que presenciei, foi o vazio naquela escola.  O desinteresse dos que chegavam, votavam e saiam.  Da falta de conversas alegres, das crianças brincando enquanto os pais exerciam sua cidadania.  Não que eu não tenha exercido a minha, sempre exerci, porém, na forma de protesto, mas isso já é uma história antiga e já tenho postado muito a respeito.

O Partido dos Trabalhadores foi o maior derrotado.  O mito, o sagrado ungido, o monstro sagrado da política brasileira, aquele que ameaça sempre voltar se não pararem d…

SER OU NÃO SER... UM FILHO DA PÁTRIA.

Existem certos assuntos polêmicos que não costumo julgar.  E faço isso, especialmente para não cair na famosa hipocrisia.  Todos nós temos defeitos, contradições, incoerências, enfim, ninguém é perfeito.   Somos todos pecadores e, diante disso, não podemos atirar as nossas pedras, é certo.

Isso posto, me vem a consciência de que não devo e nem posso, criticar ou julgar os outros.  É isso que procuro ou tento fazer,  embora sempre caia em tentação aqui ou ali.  Mas sempre busco ser justo em minhas criticas e, principalmente, jamais sonhar em cometer o que critico.

É comum assistirmos ou lermos sobre acidentes de trânsito em que os motoristas se encontravam alcoolizados, por exemplo.  Recebo com muita tristeza essas notícias e não me sinto com moral para condenar esses motoristas porque também já dirigi embriagado quando jovem e não foram poucas vezes.  Só me pergunto se aqueles que saem proferindo já as suas sentenças,  não fizeram isso ao menos uma vez!   Não estou justificando, mas a…

TRIDIMENSIONALIDADES

Tempos difíceis que vivemos!  Um momento único na história política brasileira desnudada por tantos escândalos, crimes, e traições para todos os gostos e desgostos.

Mas uma coisa que ainda persiste em me chamar a atenção, é justamente a passionalidade de muitos que parecem adorarem serem literalmente tocados, não conduzidos, serem amestrados, não adestrados, serem corrompidos, jamais convencidos.  Parece que adquiriram uma espécie de visão monofocal, ou pensamento monodimensional.  Se deliciam apenas tendo conhecimento de largura ou comprimento, nem imaginando que possa existir algo como a altura.  Abandonam a tridimensionalidade natural, enquanto chafurdam alegremente na mais rasa das dimensões.

Isso é facilmente verificável tanto no jornalismo, quanto nas opiniões de suas vítimas, ou melhor dizendo, leitores.  Não existe lógica, razão ou coerência, mas apenas aquilo que se quer escrever, mostrar ou dizer, e por outro lado o que se quer ler, ver, ou ouvir.

Assim sendo, os brasileiros…

GAME OF BANANAS ... NOVA TEMPORADA

Tudo ótimo, lindo e maravilhoso, não?  ... não, não está.  Muitos estão comemorando o impedimento da ex-presidente Dilma e o fim do ciclo sofrido, protagonizado pelo partido dela, mas não há o que se comemorar.  Primeiro, porque um impedimento nunca foi um sinal de que tudo está bem,  pode até ser um sinal de mudanças, o que é positivo sim,  mas nada a que se mereçam grandes festejos, afinal de contas, a luta só continua (como dizem os vermelhinhos enfezados).

Ontem o Senado Federal condenou Dilma por crimes de responsabilidade e ela perdeu o mandato, porém, numa manobra asquerosa que muita gente deixou de notar, ou fez que deixou, o Presidente do Julgamento resolveu alterar a letra da Constituição e separou em duas partes a votação.  A primeira parte foi sobre o crime em si, a segunda, se Dilma pode ou não ficar inelegível "como prega a Lei Constitucional.

O resultado foi que, na segunda votação o desmembramento da lei deixou a possibilidade de Dilma voltar a exercer cargo públ…

QUEM SÃO ELES AFINAL DE CONTAS????

A Presidente afastada deu uma entrevista ao SBT dizendo que não vai renunciar, que não vai jogar a toalha, que não vai dar esse prazer a "eles"!   Lula vive dizendo que "eles" querem o retrocesso, "eles" querem acabar com os pobres, enfim, sempre se colocam como vítimas dessa incógnita terceira pessoa do plural.  Quem são "eles" então?  
A oposição?  a mídia?  a imprensa?  Nesse caso seriam  "elas" por uma questão de gênero! Os empresários poderiam entrar no contexto, porém, assim como os banqueiros, foram, como se pode perceber, os que mais faturaram dentro dos governos que se diz voltado para os mais pobres.  Tanto que grande parte deles estão presos ou em vias de serem.  correm para a caguetagem a fim de tentarem se salvar,  ao mesmo tempo em que os pequenos e médios fecham suas portas.
Me irrita profundamente esse termo genérico ao invés de colocarem nomes nos bois, ou vacas, quem sabe!

"-Eles não vão me derrubar"...!  Ce…

ANTES AS MULHERES DO QUE OS MOLEQUES.

Pois então, eu nunca gostei muito de futebol, nunca me interessei por esse esporte, sempre tive mais olhos para o volei, ou então para outros esportes mais individuais.  Enquanto meus amigos de escola sabiam os nomes dos jogadores, eu sabia os dos Ministros do País, isso é, enquanto ainda não mudavam ministros a toda hora.

Entretanto, ontem tive aquela vontade mórbida de tentar assistir a partida entre Brasil e Iraque...Iraque, pô....!   Havia assistido as nossas meninas vencerem a Suécia e simplesmente me encantei.  Sempre fui admirador das mulheres, até mesmo contribui com mais duas brasileiras lindas para ajudar a embelezar ainda mais nosso país.  Aquele primeiro gol com um toquinho por cima do goleiro e (não me lembro o nome dela rsrsr)   aquela saída para comemorar com um sorriso lindo estampado no rosto de braços abertos enquanto o rabo-de-cavalo dos cabelos balançando aos movimentos, fiquei estático.  Subiu até um nó na garganta.

Mas a seleção masculina....pelamordedeus!!

O qu…

TÁ TRANQUILO...TÁ FAVORÁVEL...!

Ando meio desanimado em escrever algo.  Acho que o país inteiro fica assim, meio letárgico diante da atual situação e ainda a falta de algum horizonte próximo.  Estamos atualmente ainda com 2 Presidentes da República.  Um interino e uma afastada.   Ninguém quer se arriscar a investir onde não há certezas e, com isso, vamos marcando passos.

Os únicos que devem estar esfregando as mãos ansiosos, devem ser os membros do crime organizado.  Para eles sim, há um belo horizonte se aproximando.  Dois fatores contribuem para isso, o primeiro e já devidamente sacramentado, é o fim da contribuição empresarial para campanhas políticas, isso abriu um enorme nicho de possibilidades deles investirem seu capital sujo num terreno maravilhosamente fértil e administrado por seus parceiros mais "limpinhos" embora exibindo as sujeiras sem medo, ao menos por enquanto, de serem "lavados"!

O segundo motivo ainda está a caminho.  A liberação dos jogos de azar no Brasil.  Isso sim, vai ser…

QUANDO A MATÉRIA ADQUIRE CONSCIÊNCIA E ... SE PERDE!!!!

As vezes me encontro filosofando sobre o que somos na verdade.  Sobre o porque de uma matéria, o corpo,  adquirir a tal consciência , que não é material.  Mas de onde ela vem afinal?  Somos aquilo que adquirimos desde a infância em nossos aprendizados, em nossas experiências?  Ou já chegamos aqui com conhecimentos pré-adquiridos, sendo necessário apenas recordá-los com o passar do tempo.

Como pode algo evoluir de um ser unicelular para a complexidade biológica que permite adquirir toda essa consciência, e o poder de buscar até um pseudo autoconhecimento sem que nunca se possa realmente encontrá-lo?   Acho que todos os segredos residem nas dúvidas mais do que nas certezas. Elas, as dúvidas, nos levam sempre às buscas, enquanto que as certezas nos tragam para algo inerte.

Cada ser tem uma visão diferente sobre os infinitos aspectos que nos rodeiam, sobre as circunstâncias, valores, sonhos e desejos.   Pensamos diferente, agimos diferente, embora sempre admitindo que temos que seguir jun…

LUTA ENTRE PALÁCIOS, SUSTENTADOS PELOS PALACETES, CRIANDO PALAFITAS.

A cada dia que passa, vamos criando um cenário cada vez mais surreal.  É certo que não estamos num inferno venezuelano ainda, mas, com certeza, a caminho!  Todos os dias, somos surpreendidos por notícias absurdas de como nossos agentes públicos tratam aquilo que lhes confiamos.  Enquanto os cidadãos buscam alternativas cortando despesas, modificando projetos, alterando ou eliminando sonhos, até, por fim, se encontrarem em situações extremamente humilhantes, nossos dirigentes se encastelam em seus palácios numa guerra mesquinha, intransigente, e acima de tudo, covarde.

Dilma foi afastada, Temer assumiu, no entanto, mesmo com dois presidentes, uma afastada e outro interino, só aceleramos ainda mais a queda.  Temer, até que tenta se mostrar competente, mas parece lhe faltar coragem, determinação, hombridade.  Desvia-se dos obstáculos, foge dos problemas, não enfrenta, ao menos até agora,  os graves problemas que nos atormentam.

Enquanto Dilma, enfiada em seu Palácio da Alvorada, sendo s…

XEIQUE

Já escrevi aqui sobre a Dolly, uma "Munsterland" quase legítima que encontrei acidentalmente recém parida na rua,  e como desenvolvemos uma relação carinhosa entre homem e cão.  Ela se foi, mas a presença canina continuou em casa com um legítimo "Boxer" capado recentemente.  Porém, minha filha mais nova, terminou o namoro e acabou trazendo para casa um legítimo "pug" que agora faz par com o Boxer, formando algo que lembra o desenho animado "pink e cérebro".   Nunca gostei muito de pugs, mas acabei me afeiçoando demais ao desgraçado.  Cachorro novo e macho  é terrível mesmo,  entra em casa e mija em todo lugar, e eventualmente também caga.  Assim foi com o bingo (o boxer) até bem pouco tempo. Além de estragarem muita coisa, mas isso todo mundo já passou ou passa, ou vai passar (se Deus quiser) .   Afinal de contas, são aquelas "emoções" que a vida sempre nos reserva.

O mal dos pugs é que tem aquele "olhar pidão" com a cara che…

DOIS A ZERO

Muito bem, ontem, o processo de impedimento foi continuado na Câmara dos Deputados por maioria esmagadora.  Assisti a maior parte, assim como milhões de brasileiros.  Me incomodava bastante os discursos antecedentes aos votos por acreditar que, aquilo não era um palanque eleitoral, mas faz parte do processo e, com certeza, a maioria dos parlamentares adora fazer essas firulas para se mostrar aos eleitores.  No entanto, todas as vezes em que um deles dizia ao microfone que seu voto era "contra o golpe", me perguntava como poderia esse ser estar VOTANDO se realmente fosse um golpe?  Se os petistas e aliados governistas acreditam mesmo que seja um golpe, por que insistem em participar dos debates?  Simples... porque NÃO HÁ GOLPE ALGUM...!!!!
Todos os trâmites chatos, incessantes, longos, estão sendo seguidos segundo reza a Constituição.
A diferença é que eles tem menos votos e numa democracia isso significa derrota da minoria pela maioria conforme ficou bem claro ontem.
Diziam …

UMA SEGUNDA DIVISÃO!

Imagem
Estamos separados apenas por algumas horas de um momento crítico da situação política brasileira,e , por consequência, nosso futuro econômico e social.  O caldeirão borbulha, atitudes moralmente aceitas vão desfilando perante microfones e holofotes, mas também, atitudes criminosas acontecem nos obscuros bastidores infindáveis,   nos corredores sombrios, estacionamentos, quartos de hotéis, restaurantes, enfim, onde quer que seja que não haja testemunhas ou escutas.  O Brasil está sendo negociado.

Assistimos a tudo tentando encontrar ânimo dentre as possibilidades que se apresentam, pois, saindo Dilma, entra Temer que leva consigo, como vice,  o Cunha.  Mas ficando Dilma, o país está sendo distribuído para o que existe de pior na política.  Todos aquelas "excelências vendáveis" estão com comichões em aceitar cargos importantes para a nação para ali, se refestelarem.  Parece que ambas as saídas são desanimadoras.  Daí que aparece mais uma divisão do povo.  Fora os "nós&quo…

O TRONO BRASILEIRO

Imagem
Foi excelente a comparação do NYT  há alguns dias atrás, sobre o situação atual do Brasil em relação à séria americana "Game of Thrones".  Estamos mesmo numa verdadeira guerra pelo trono do Palácio da Alvorada.  Dilma quer porque quer continuar sentada no trono de ferro, embora, não exista mais a menor possibilidade dela efetivar qualquer coisa que, ao menos, modifique a atual situação.

O país vai sendo passado a limpo, e figuras expressivas do mercado e da política vão sendo presas aqui e ali, dando conta de que a paciência resignativa do cidadão se esgotou.

Acusam de golpe um movimento legalizado e dentro das instituições constitucionais apenas porque sabem que não há como escapar.  Fazendo esse tipo de barulho, acreditam que podem sair como vítimas injustiçadas e perseguidas pelos vilões, deixando, dessa forma, aquela impressão nos mais humildes de que tem o direito não só de espernear, mas também de sabotar indiscriminadamente quaisquer atos praticados pelo futuro ocupan…

CAMINHANDO ENTRE AS COVAS RADICAIS

Incrível a capacidade do ser humano em se adaptar ao meio.   Antes, eu até me incomodava bastante quando agredido tanto por um, como por outro lado, já hoje, eu tenho simplesmente uma certa pena pelas pessoas que se radicalizam.
Sempre me vem com aquela velha história de ficar em cima do muro, mas ... e se, ao invés de um muro, houver, na verdade, uma plataforma em nível?  cercada por duas covas, uma à esquerda e outra à direita?   Acho que poderia até chamar de "trincheiras" para não ofender tantos os radicais que se enfiam em ambas jogando seus estrumes uns aos outros.
Meus posicionamentos nunca foram muito claros nessas antigas questões.  Por exemplo; sou contra o racismo, mas também sou contra "cotas" de qualquer espécie, pois isso não ajuda a solucionar os problemas, pelo contrário, apenas os dimensiona. Sou contra as diferenças sociais e também acho elas injustas, mas não aceito que determinadas imposições sejam autoritariamente colocadas como a solução desse…

NÃO VAI TER GOLPE!!!!! MESMO

Levando em conta todos os acontecimentos dos últimos anos, tudo o que vem sendo publicado, exibido, esculpido na rocha, ou escrito na areia, enfim, as infindáveis narrativas complexas ou as mais simples, sempre, ou quase sempre, contaminadas de paixões, eu só consigo mesmo notar que; estamos próximos do fim desse drama.

O Brasil está atolado numa grave crise política, fiscal, financeira, e sem qualquer espécie de crédito.  A classe política, já se destrambelha não sabendo para onde correr.  A população se divide, ou é dividida para que seja devidamente usada como massa à socorrer, ou simplesmente se agregar à causas não mais efetivamente honestas.

Boatos, notícias, falsas notícias, informes, informações, ou falsas informações, omissões,  tudo é destilado nessa guerra suja em que se transformou a administração pública.  Colunistas perdem leitores se não publicarem aquilo que seus "discípulos"  querem que publiquem,  se forem independentes, tudo bem, mas alguns até são, embora…

NÃO CABE MAIS O VERMELHO, NO VERDE, AMARELO, AZUL E BRANCO!!!!

Me vejo na necessidade de interromper minhas divagações sobre uma virtual possibilidade, ou quem sabe, imaginativa questão de ser um presidente, e o que gostaria de fazer como tal, para voltar a colocar minhas impressões particulares sobre a questão de amanhã, dia do grande protesto em nome do fim da corrupção e do impedimento da presidente.

É sabido que, durante as grandes batalhas nas grandes guerras, um exército de grandes proporções em número e tecnologia, muitas vezes, nem precisa entrar em combate propriamente.  Basta exibir sua força e seu objetivo para que o inimigo reconheça a derrota, e poupe vidas e derramamento desnecessário de sangue através da rendição.  Não há vergonha alguma em fazer isso, aliás, conforme a circunstância, é até uma atitude muito nobre.

O que vemos na política hoje no Brasil, se compara em muitos aspectos, dentro desse termo.

Temos uma Presidente da República completamente isolada até por seus próprios aliados e inclusive dentro de suas próprias filei…