Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

DESABAFO

Meu Deus do céu!!!!  Tem horas em que bate aquela revolta indescritível e dá aquela vontade de mandar tudo à merda, mas mesmo assim, precisamos manter alguma discrição e calma onde buscamos tentar entender o que se passa.  É um exercício muito, mas muito difícil, porque não sabemos onde buscar qualquer traço de coerência ou verdade.  Tudo é sempre obscuro e cercado por interesses inconfessáveis.

Diversos personagens, ao longo das últimas décadas, já disseram que, se abrirem a boca, a república iria cair.  Um outro Ministro de Estado, disse ter colocado um gravador em seu gabinete para gravar algumas "reuniões" e decidiu depois parar com isso e destruir tudo o que gravou porque era tudo muito perigoso.  Isso nos dá uma noção, apenas uma simples e pequena noção de como "funcionam" as coisas no Brasil.

Todas essas operações policiais com nomes pitorescos que estão hoje em andamento, apenas nos dão algumas visões parciais e esfiapadas de um todo que, se realmente conhe…

O INFERNO DE KEPLER

Vamos supor que, daqui há algumas décadas, possamos finalmente viajar pelo espaço e visitar alguns planetas. Podemos então, talvez até encontrar algum que possa sustentar alguma vida como o descoberto recentemente pela NASA, o tal Kepler 452b.

Digamos que exista vida nesse planeta rochoso e com possibilidades interessantes como mais uma opção para vivermos em paz.  Sim, mas e se já houver uma forma de vida inteligente nesse planeta? Ou em outros que nos interesse?  E se essa forma de vida inteligente encontrada estiver em um estágio evolutivo comparada a nossa triste Idade Média?  O que faríamos?

Será que iriamos interferir ou até interagir com eles?  Com qual propósito?

Levar as "verdades religiosas"?   Dar-lhes o conhecimento da nossa tecnologia contemporânea?  enfim, o que faríamos?

Conhecendo nossas realidades, com certeza posso dizer que perderíamos esse medo de ETs e simplesmente iríamos escravizar o povo que lá vivesse em nome do nosso progresso assim como fizemos dur…

OUTRO CONFLITO NA AMÉRICA LATINA?????

Certa vez, lendo um livrinho interessante chamado, "Enterrem Meu Coração na Curva do Rio"  de  Dee Brown, não pude deixar de perceber certas coisas pitorescas que acontecem com todos nós humanos aqui nesse planetinha tão rico e tão conturbado.

A narrativa do livro se desdobra sobre o sofrimento do povo indígena norte americano tendo que abandonar suas terras em função do crescimento descontrolado do homem branco. Até aí, tudo bem, afinal de contas, sempre existiu esse conceito desde os primórdios da civilização em que, um povo mais desenvolvido subjuga e controla ou domina os menos desenvolvidos.

O que acho interessante é que, justamente sob os pés desses povos mais fracos é que repousam verdadeiras maravilhas e fortunas incalculáveis.  Mesmo retirando nações inteiras e as relocando em outras pradarias consideradas imprestáveis, passado um tempo, algum animal ia lá e encontrava verdadeiras fortunas que não haviam sido antes detectadas.  Parece uma piada de humor negro.

E o …

QUANDO TODOS "SIFO"...

Tem que matar, tem que acabar com essa raça! Pena de morte já!  Queremos a volta dos militares...! Maioridade penal aos 10 anos...!  Tem que ter uma revolução e, de preferência, que morram muitos desses imprestáveis.  Isso aqui não tem mais jeito, vai ser sempre assim...!

Quantas vezes não ouço isso em todos os lugares por onde ando, até dentro da própria família. E não adianta andar por outros lugares ou procurar outras famílias, pois o sentimento é crescente e, pra falar a verdade, incrivelmente contagiante.

Por enquanto, tudo se resume à conversas;  sejam elas através de palavras ditas, digitadas, ou até simplesmente dirigidas com o olhar.  Mas o sentimento de revolta é crescente.

Quando os empresários resolverem se desfazer de seus negócios e se mudarem, com certeza não levarão juntos os seus "colaboradores", esses terão que ficar e buscar alternativas. O êxodo de brasileiros só faz aumentar buscando melhores condições de vida e respeito em outros países ditos mais democ…

PERIGOSAS PERUAS

Existe um certo sentimento de perplexidade hoje no Brasil.  Aos poucos, os brasileiros vão tomando conhecimento das reais circunstâncias que explicam, de certa forma, o porque de,  apesar de todos os nossos esforços, o país sempre se encontrar em situações muito abaixo do seu verdadeiro potencial.

Estou me referindo tanto à tal "Operação lava-a-jato", quanto às demais crises políticas, institucionais e também da economia que causam atualmente uma crescente paralisação no nosso setor produtivo e de consumo.

Ontem, alguns políticos de alta plumagem tiveram suas casas e empresas visitadas pela Polícia Federal e consequentemente, alguns de seus "brinquedinhos" foram apreendidos.  Só o Senador Fernando Collor de Melo teve seus três "carrinhos" levados, um Porche, uma Ferrari e uma Lamborguini... tudo coisa modesta frente ao humilde povo alagoano.

Houve então uma grita geral. Senadores protestaram pela atitude truculenta da polícia e estão agora discutindo mér…

ATÉ QUANDO FICAREMOS "DEITADOS" EM BERÇO ESPLÊNDIDO" ???

Uma das coisas bem interessante que constatamos no Brasil é o tal de lucrar e lucrar muito, na maioria das vezes em excesso.  Quantas pessoas já me disseram que, se for para fazerem algo que ganhe menos de 200%, então, nem começam.  Constantemente vemos liquidações em que se anunciam descontos que vão de 30%, 50%, e até 70%, e eu fico questionando o quanto estão perdendo, mas que nada, ainda ganham, e ganham muito.

Por essas e outras, o "País do jeitinho", vai criando seus mecanismos culturais baseado na sempre tão conhecida "lei gersiniana"!   Ah, mas os impostos são altíssimos!!!!  Eu concordo, porém, isso é apenas mais um indicativo de como o "Custo Brasil" também judia de seu povo.  Grandes empresários tem acesso quase irrestrito à financiamentos feitos por órgãos estatais, enquanto que pequenos investidores tem de deixar praticamente as calças para viabilizar qualquer empréstimo.

Parece não haver consenso ou sequer bom senso, e a ganância desmedida v…

MEIAS VERDADES...MEIAS MENTIRAS E, NADA POR INTEIRO!

Sempre foi dito e sabido que, nas guerras, a primeira vítima é sempre a verdade. Eu concordo. Estamos presenciando no Brasil, uma verdadeira guerra na internet alimentada pelas diversas mídias, tanto as governistas quanto as oposicionistas, motivo pelo qual o governo odeia tanto essa exposição.

A internet, afinal de contas, veio para colocar todos eles completamente nus diante do cidadão. Não há como escapar desse novo período, seja nas redes sociais, seja nos noticiários, enfim, o cidadão comum passa a ser bombardeado diuturnamente, com mentiras, verdade, e meias verdades a depender do resultado que se espera desse bombardeio.

Antigamente, o sujeito comprava o jornal, lia e, no máximo xingava e comentava com os amigos. Alguns passavam só pelas páginas policiais, outros pelos horóscopos e outras trivialidades comezinhas.

Hoje em dia ficou tudo junto e misturado. Se alguém frequenta páginas policiais, vai encontrar políticos, humor? políticos, e até nas costumeiras trivialidades eles e…

UM POR TODOS E TODOS POR UM

Qualquer um pode começar a fazer algumas contas simples. Se somarmos o que perdemos em corrupção, com aquilo que perdemos em incompetência e adicionarmos tudo aos erros de cálculos, teremos então uma soma que deve superar ao PIB de quase toda a América Latina.

Na corrupção, que apenas premia alguns poucos safados, podemos contar algo em torno de uns 12 bilhões por ano, na incompetência, por volta de uns 20 e nas correções para acertar aquilo que não foi feito corretamente, algo em torno de uns 30.  Raspando a régua e tirando algum possível excesso, temos por volta de uns 50 bilhões jogados fora todos os anos.  Acho que deve ser algo próximo a isso.

Não vou entrar no mérito básico de mais escolas, mais hospitais, enfim, toda aquela merda comparativa do que deixamos de fazer, porque isso seria o básico. Vou entrar no mérito de País mesmo!!!

Com essa verba, daria para se construir um parque energético em pleno sertão nordestino. Enquanto a "valeta" também conhecida por transpo…

O QUE QUEREMOS, O QUE PRECISAMOS E O QUE TEMOS

Certa vez, um amigo meu me disse que "uma sociedade não pode punir um criminoso que ela mesmo criou" ...Na época, achei a frase bem interessante e concordei com ele.  Mas éramos jovens e como todo jovem, sempre muito críticos às injustiças sociais.  Todos nós somos, de certa forma, contra as diferenças sociais.  Mas depois, vamos aceitando que,  ela sempre existirá porque é impossível de acabar com ela.  Cada indivíduo tem suas peculiaridades, suas prerrogativas, suas necessidades, enfim, ninguém é igual.  Dessa forma, cada um conquista por si próprio o que almeja ou não a depender de diversos fatores externos mais do que internos.

Quando um indivíduo nasce com características favoráveis e os fatores externos contribuem para que ele desenvolva esse aspecto, com certeza, ele irá se moldar à essa circunstância.  Uma pessoa que, quando pequena, presencia a morte dos pais ou sofre abusos, ou então, é vítima de violência extrema, tendo já algum desvio no que seria considerado o …