Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2012

MINHA ESFINGE

Certa vez, ouvi uma mensagem;  -"O maior de todos os mestres, acaba por matar todos os seus discípulos"!
A humanidade inteira tem se dobrado a esse mestre. Muitos tentaram sobrepujá-lo, mas a insignificância de suas tentativas ficaram somente restritas aos infantis campos da fantasia.

Não há, ao menos até agora, uma forma de dobrar esse mestre. Muitos, nem sequer lhes dão ouvidos ou atenção, já outros, seguem seus ensinamentos, buscam com suas próprias experiências uma forma de conquistar seus conhecimentos, suas habilidades, enfim, receberem seus ensinamentos quase sempre, ainda que de forma incompleta!

Talvez, seja esse mestre que tenha alimentado o mistério da "esfinge" na cidade do Cairo com sua enigmática " Decifra-me ou te devoro"... Nada melhor que um desafio para nos impor uma sensação de que, quem sabe, talvez seja possível... um dia!

Ontem, dia 28 de agosto de 2012, mais um discípulo entre tantos, foi levado pelo mestre. Tive e fui abençoado po…

CRÉDITOS E DÉBITOS DA VIDA

Imagem
Há algumas semanas atrás fui alertado pelos meus funcionários sobre um menino chamando à beira da rodovia que passa ao lado de onde mantemos a fábrica de tijolos.  Ele não havia entrado, não estava no portão, simplesmente parou sua bicicleta junto à cerca e chamou qualquer um que pudesse lhe atender.
Resolvi então atendê-lo e caminhei até lá!

Não devia ter mais de 12 ou 13 anos. Um garoto mirrado com olhar apreensivo, parecia estar muito ansioso e então descobri o motivo.

- Moço...o senhor tem fogo???  - Ele pergunta levando à boca um baseado bem enroladinho...!

Um misto de tristeza e raiva me tomou.  Primeiro uma vontade enorme de arrancar aquela merda da mão dele, mas depois foi substituída por outra vontade, a de abraçar aquela criança e convidá-la a conhecer  a entidade em que ela, por ignorância, estava solicitando apoio ao seu vício.

Perguntei então se ele sabia o que era aquele lugar...Ele responde que não. Eu digo que é um centro de recuperação de drogados que, como ele, havia…

O LIMITE DA FIDELIDADE É O FANATISMO

Após um breve período ausente, período esse em que me voltei a outros assuntos mais, como diria, espiritualizados, contemplativos, em que também busquei uma compreensão mais analítica das coisas e dos fatos, acho que posso então voltar aos poucos a escrever alguma coisa. Sei que ninguém lê, mas já me basta  desabafar um pouco nesse meu espaço. É até terapêutico!

Observei durante esse tempo, a forma como algumas pessoas conseguem abraçar de tal forma uma ideologia, mesmo que essa ideologia já não seja mais nem sombra da original.
Mas é um direito de todos, mudar de opinião, de idéias, de concepções, etc!  Entretanto, me causa um profundo espanto em saber que pessoas às quais eu nutria um profundo respeito e admiração, hoje se entregam graciosamente e sem qualquer contestação à rumos eu diria até impensáveis em tempos tão pouco passados.

Não é fidelidade isso, na minha opinião, já passa a ser puro fanatismo. Pode ser perfeitamente explicado quando o assunto é futebol ou religião, mas nã…