CONSCIÊNCIA CAPITAL

Essa luta entre a produção e especulação pelo capital já deu o que tinha que dar. Já encheu o saco e continua alimentando os devaneios esquerdistas que veem exatamente nesse ponto, uma forma de se colocarem onde querem, ou seja, acima de todos e "tutelando" a todos!

O mundo muda sempre. Está em constante evolução,  e aprende à duras penas, que esse tipo de conflito só gera lutas desnecessárias e de interesse apenas àqueles que querem o poder usando esse artifício como desculpa.

A "consciência" humana já desperta para essa realidade. Mas ainda existem os que insistem na "briga-de-véios"  progressistas x  reacionários.   Isso já não faz mais sentido. O mundo mudou, continua mudando e evolui.  Só essas bestas feras é que não enxergam e continuam com suas batalhas contra moinhos de vento.  Ainda se tivessem realmente uma ideologia concreta e digna...mas não!  Usam e abusam e se autodenominam "humanistas" para que, na verdade, apenas assumam posições e delas tirem o máximo proveito.  É exatamente isso que vejo e presencio nos discursos inflamados de Lula diante de plateias "compradas".. Esse cara não está nem aí com os pobres trabalhadores. Quer mesmo é se dar bem e continuar a fazer sua quadrilha crescer e prosperar. Vejamos as situações sendo comprovadas no mundo inteiro. Países onde esse falso humanismo se impõe o que conseguem?

O Brasil está a caminho de um colapso seríssimo e o que vemos é apenas disputas pelo poder puro e simples. As oposições se empenham em tirar Dilma da Presidência e só.  Dilma procura se manter a todo custo enquanto seu próprio "criador"  se volta contra, mas também a favor a depender das conveniências para sua candidatura no próximo pleito. Os ditos aliados então, arrancam nacos de onde podem, e os grandes empresários buscam se livrar do lixo deixado por eles e seus "padrinhos" depois da orgia que levou anos para que sugassem tudo o que não podiam.

Essa merda burra de "acabar com os ricos" para salvar os pobres funciona onde?????

Vejam o exemplo palpável da Venezuela agora.  A democracia lá foi usada contra ela própria.  O ditador Hugo Cháves  se moldou como um mito, como comandante e, assim como Fidel , seu mentor e conselheiro, criou um país nos mesmos moldes tacanhos e violentos que todos os esquerdistas sonham. Falta muito pouco para que estoure uma sangrenta guerra civil.  Um povo miserável em cima de um oceano de petróleo.

Lá, os jovens já foram massacrados nas ruas.  Dezenas deles perderam a vida somente por discordar e protestar.  Mas lá na Venezuela houve massacre sim. Não como aqui onde alguns bandidos travestidos de professores foram impedidos de invadir e depredar patrimônio.  Eu sei bem o que acontece nesses conflitos imbecis.  Há provocações como na porra do futebol, onde os jogadores são orientados a "cutucar" um adversário mais estouradinho até que ele levante a mão e, atingindo ou não o outro já se contorce pelo chão e o time tem a vantagem de jogar contra 10.  Isso me dá nojo!!!

Isso acontece porque os policiais são mal treinados para esse tipo de situação, e eles tendo ciência desse fato, procedem da mesma maneira usando a "massa de manobra" para provocar uma reação desproporcional e exibirem as cores dos resultados acusando o outro lado.

Os petistas adoram e tem prazeres orgásticos em exibir essas contendas provocadas chamando-as de "massacres" mas se calam diante dos jovens que foram fuzilados na Venezuela. Muitos deles apenas por estarem próximos aos protestos, sem sequer estarem fazendo parte.

E assim caminhamos entre escândalos diários e picuinhas ideológicas enquanto aproximamos a jangada desgovernada rumo às grandes quedas pedregosas.

Alguns jovens começam a protestar e logo são chamados de "fedelhos". O outro lado se aproveita para mostrar simpatia extrema.  Tudo de uma forma vergonhosa e covarde onde só se destaca a gigantesca falta de vergonha na cara daqueles que pagamos muito caro para nos representar.

Quando se discutia com um esquerdista alguns anos atrás em que a economia até que fluía razoavelmente, tudo era diferente. As concepções deles eram de que, tudo está melhor graças a eles e nada a ver com os governos anteriores pois vieram ali para combater e vencer o grande mal.
Hoje, já criam desculpas de crises externas, fogem do debate atacando e desqualificando, ou desviando assuntos apontando sempre seus adversários, reais ou imaginários, como os verdadeiros culpados.  Como culpar o motorista anterior do ônibus pelo acidente se foi por erros grosseiros do atual que aconteceu? É difícil reconhecer isso?  Ah é...é difícil sim porque existem egos que devem ser protegidos.  

Então só nos resta esperar que a tal "consciência"   acorde um pouco mais os brasileiros e faça com que eles próprios descubram uma forma de redirecionar essa jangada antes de chegar a primeira grande queda, ao invés de ficarem arrancando os restos dos pedaços dela, e  se atacando em uma briga estúpida.   Porque, afinal de contas....

...vocês não me representam... nem nunca representaram!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS

COELHOS NA PISCINA