CÁ ENTRE NÓS, HUMANOS

Já não bastavam os idiotas que mantém um pensamento preconceituoso contra determinadas regiões brasileiras e, agora estão acirrando ainda mais esse preconceito por causa das eleições. Chega a ser inacreditável que, pessoas bem instruídas, ou que se dizem assim, possam externar pensamentos tão estúpidos.  Todos sabemos que povos que habitam determinadas regiões não podem ser responsabilizados pelos crimes que cometem aqueles que lhes dirigem as vidas.  O nordeste brasileiro é uma terra onde a grande maioria de nós do sul, não sobreviveríamos muito tempo.  Não da forma como eles sobrevivem.
Uma região sempre e propositadamente e convenientemente esquecida pelos dirigentes e governantes federais, estaduais e municipais.  É uma região onde ainda vigora o "coronelismo" que recebe amplo apoio dos governos que citei.  Não há, e isso é muito claro,  interesse em que aquela região do Brasil realmente cresça e se desenvolva.  Se isso ocorresse, com certeza o nordeste deixaria de ser um curral de votos tão importantes para essa raça.  Ao invés do problema ou dos problemas serem resolvidos - e há sim meios para isso - , preferem postergá-los o máximo que puderem para, dessa forma, conseguirem sempre essa maldita divisão criminosa de brasileiros.

Sempre mantive o orgulho como um sentimento negativo e procuro jamais alimentá-lo. Sou estritamente contra esse sentimento. Não me considero sequer um patriota, mesmo que algumas vezes aparente ser.  Me considero sim,  um ser humano que mantém um profundo respeito por qualquer semelhante que viva ou sobreviva em qualquer lugar do planeta.

Por isso também sou contra a vergonha que é o resultado de um orgulho alimentado.  Não entendo como pode alguém dizer que tem orgulho da região onde vive.  Não há, na verdade, um motivo coerente para esse orgulho que só alimenta uma competição antes saudável, mas que se torna doentia a partir do choque entre os dois sentimentos antagônicos!   O povo nordestino é um povo sofrido sim, mas acima de tudo, é explorado pela classe política desde tempos remotos.  Nos dão um excelente exemplo de vida e superação onde dificilmente poderíamos apresentar algo parecido.

Mas agora me vem aquele nojo quando fico sabendo da xenofobia que se apresenta por causa da vitória de Dilma.  E isso me causa um questionamento de não ter sido proposital essa atitude...!  O país já está dividido sim, como mostram os resultados das urnas. Acho mais pelo fato de pessoas beneficiadas por programas assistencialistas que ficaram com medo de perdê-los do que por raiva ou desinteresse numa outra opção!   Mas isso é caso para outros analistas que estão se chafurdando em suas pesquisas e ganhando para isso.

O que questiono agora, é se não houve essa intenção colocada em prática pelos governantes num claro exemplo de como se pode dividir para conquistar.  Se os petistas mesmo tivessem feito esses comentários xenófobos para culpar a oposição....isso é possível diante de tudo o que temos visto ultimamente.

Como nas redes sociais, dificilmente se encontram identificações, esse procedimento repetido e multiplicado pode sim, causar essa geléia nojenta.  O que deveria ser contido ou minimizado é então maximizado para causar o maior dano possível.  Um exemplo????   Quanto FHC num comentário infeliz disse que os ignorantes é que elegeram Dilma, rapidamente já emplacaram os nordestinos como responsáveis, e a imprensa governista espalhou rapidamente.  Agora, quando aparecem comentários semelhantes, já fogem para explicações contrárias dizendo que o sudeste foi o responsável.  Ou seja, para alimentar a máquina de votos, acusaram o preconceito e para justificar o resultado, se excluem desse expediente. Muito cômodo não?  Enquanto isso o ressentimento entre brasileiros só cresce e serve de munição para novos embates.

Existem sim, milhões de brasileiros que se "encostaram" nos programas assistencialistas. Eu mesmo conheço alguns e já discuti o suficiente para saber que a "lei de Gerson" ainda é forte entre nós.

Estão espalhados por todos os cantos, por todas as regiões brasileiras, e ficam escondidos em meio a outros milhões que realmente necessitam dessa ajuda.  Assim como os moradores de "comunidades" servem para abrigar e camuflar centenas de bandidos armados, o rótulo foi também colocado nos povos nordestinos como exclusivos beneficiários e, portanto, verdadeiros vagabundos.

Se você pensa assim, seu idiota.  Se você acredita mesmo nisso seu imbecil.  Então experimente conhecer de verdade o verdadeiro nordestino que tenta sobreviver.  Não estou dizendo sobre aqueles que vivem nos litorais, mas daqueles que sobrevivem no interior.  Esses sim, são explorados pelos coronéis que sabemos bem quem são.  Em Alagoas, no Maranhão, no Ceará, enfim, esses que estão lá em Brasília  rindo e se locupletando do teu preconceito odioso e completamente insano.

Se você escreve merda nas redes agredindo nossos semelhantes por tais razões, então você  pode até ter alguma cultura ou conhecimentos diversos.  Mas é um verdadeiro retardado mental e emocional.

E acredite.....é justamente o que "elles"  precisam para continuar no poder.....

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS