BRASIL, MOSTRA A TUA CARA!!!!!

Outro dia foi discutida a necessidade ou não do Brasil possuir tantos ministérios. Ao que parece, todos de alguma forma concordaram da "imbecilidade" em se manter tantas pastas assim. Dá pra se entender a quantidade de cargos que podem ser negociados dentro desses escalões governamentais, mas não dá pra se entender qual a utilidade disso para o país.
Um belo exemplo, foi o tal Ministério da Pesca que gastou horrores pornográficos financeiros para não aumentar um único e miserável quilo de pescado.

Acho que Ministérios são criados pelos mesmos motivos que os partidos políticos, ou seja, gastar o dinheiro e encher o saco do povo.
Ultimamente, ministros estão caindo como "jacas maduras" aqui e acolá, e olhem a "madureza" de alguns até "octogenários" que por não ter o que fazer, vem fazer nos tais ministérios.

Vão aqui algumas sugestões então para alguns ministérios a mais, já que virou moda criar esses sumidouros de verba pública.

O Ministério do "NUNCA ANTES NA HISTÓRIA DESSE PAÍS" Para tratar de assuntos que não existem, nunca existiram, e jamais existirão, porém, com algumas propagandinhas fuleiras e alguns gritos histéricos frente aos holofotes dizendo palavras doces que o povo gosta de ouvir, acabam pegando!!!

O Ministério do "DEVO, NEGO, E JAMAIS PAGAREI" Para tratar de assuntos que nunca serão tratados e naturalmente serão processados aqueles que TRATAREM sobre essa questão!

O Ministério do "ROUBA E NEM FAZ"  Contrariando aquele que hoje em dia já é procurado em mais de uma centena de países de TANTO QUE FEZ... A merda é que não procuram direito...fazer o que?

O Ministério dos "HOLOFOTES DOS  ÚLTIMOS DIAS" Para cuidar dos interesses daqueles senhores que são pegos com a boca na botija, são processados, são" inocentados", mas precisam encontrar um lugar para "mocosar" a verba que lhe originou o tal processo para que jamais volte a ser questionada.

O Ministério dos "TRANSPORTES OBSCUROS" Para cuidar dos itinerários exclusivamente ilícitos de verbas públicas que "não tenham sido CONTABILIZADAS".

Por fim, é óbvio que todo esse "APARATO" governamental exigiria do bravo povo brasileiro alguma cota tributária A MAIS na já infindável lista "impostômetra".
Haveria de se tentar criar um novo imposto além dos que já nos assaltam.
Então, aqui vai mais uma simplória sugestão.

É só "regulamentar" a profissão do meretrício baixo, médio e alto cobrando o ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza) ...(ou de Natureza Qualquer) para que essa verba chegue aos bolsos dos milhares de ocupantes inabilitados, porém, de confiança das luxuosas poltronas desses recém criados gabinetes.

A única dificuldade nesse quesito, é que dificilmente os "filhos" dessas profissionais, estariam dispostos à regulamentar o "oficio", mesmo que em portas fechadas e voto secreto!

...sinto muito Gal Costa, o Brasil ainda não quer mostrar a sua (dele) cara!!!!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS

COELHOS NA PISCINA