CENTRALISMO

São grandes os debates na rede sobre esquerdismo e direitismo. Grandes não!  São enormes!  Os outrora comunistas convenientemente transformados nos atuais socialistas de cunho, assim digamos, mais humanista, enveredam por meios ainda que democráticos a exaltar as prerrogativas de um sistema já comprovadamente falido. As maiores prisões do mundo moderno que o digam. Falo de prisões gigantescas mesmo. Daquelas que aprisionam populações inteiras, nações inteiras.  Seus dirigentes nivelam e, sempre no mais baixo nível possível seus cidadãos, mas se deleitam e usufruem de pecados só apreciados no mundo capitalista. São os heróis de araque.  Aqueles que impõe aos seres humanos sob sua tutela a função de servirem de provetas para suas experiências de campo. Geralmente residem em mansões, palácios, fortalezas.  Tem todos os confortos que negam aos seus governados.

Sempre entendi que, a restrição da liberdade é o pior de todos os crimes que se possa praticar contra a vida de alguém. Isso logicamente em se tratando de pessoas que mereçam essa liberdade. Antigamente o destino de uma pessoa era definido pelas condições de seu nascimento. Se nascia escravo, morria como escravo. Se nascia pobre, morria como pobre.  O comunismo revestido na aura santificada dessa injustiça, abraçou a causa de modificar essa questão. Impôs um conceito brutal para que teoricamente todos pudessem ter o mínimo necessário à sobrevivência.  Então o povo passou a se ver na obrigatoriedade de se contentar com o mínimo sem contestar!  Aliás, contestar significa morrer, ou desaparecer nas prisões Muitas vezes acompanhado até da própria família.

Amparados  nas "boas intenções" seguiram semeando a morte e o sofrimento para milhões, talvez até bilhões de seres humanos livres. Não dá para se precisar já que os registros foram e são sempre blindados.

Vejo as propagandas do PC ou do PC do B, outrora conhecidos por Partido Comunista, ou Partido Comunista do Brasil.  Não usam mais a palavra "comunista". Mudaram para "socialista" embora não substituíssem o 'C' pelo 'S' como deveria ser.   Detalhe pequeno, mas que representa um oceano de sangue, suor e lágrimas.

Os tais direitistas já são sempre atacados como os maléficos das sociedades. Aqueles que sobrevivem da especulação das pseudo-liberdades populares.  Que arrematam para si, todos os frutos colhidos pelos infelizes que escolhem ser infelizes.  Sim escolhem, afinal, a liberdade, - detalhe proporcionado pelo sistema capitalista-, lhes faculta o direito de serem ou não, seus próprios donos.  O problema - e todos os sistemas os tem- é que, onde o poder dominante assume compromissos que não consegue cumprir, logicamente irá se ver em condições nefastas. Afinal, governos, assim como reinados, impérios, ditaduras, etc, são mantidos por impostos, taxas, contribuições.  Se não conseguem administrar tais valores, ficam com certeza em maus lençóis.  Com exceções nas ditaduras onde os governantes nem precisam prestar contas.

A boa noticia que vejo, é que esses sistemas estão se centralizando aos poucos. O capitalismo selvagem dá sinais civilizatórios. O outrora selvagem comunismo, atravessando para o socialismo também responde ao chamado centralizador. Essa conversão pode ser observada no mundo inteiro. São os muros desabando e pontes sendo construídas.  Embora os conservadores dos dois sistemas antagonistas ainda agonizem, dá pra se perceber as mudanças.  As gigantescas prisões já reveem suas besteiras cometidas.  Seus únicos receios, serão deixar expostas suas "caixas-pretas" que ainda se tornarão públicas revelando os pilares carcomidos que sustentavam suas hostes delirantes.

Cuba, a grande ilha prisão, já dá sinais.  Estuda liberar os "vistos de saída" de seus cidadãos. A Coréia do Norte, já sofre cobranças chinesas pelos seus "entraves" incômodos ao livre mercado que parece estar encantando o povo chinês. Aparentemente estão chegando à conclusão de que;  mais vale negociar do que exterminar.

...muitas vidas agradecem...

...e poderão seguir...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS