DESORDEM E RETROCESSO

Existem coisas meio complicadas em início. Segundo o que rola na internet, as redes sociais preparam um grande protesto para dia 1 próximo. Já as centrais sindicais preparam outro para dia 11.  Existe um murmúrio nos sites e blogs sobre a saída de Lula para às ruas para "agitar" as massas em protesto também. Protesto quanto a que?  Contra os outros protestos????  Será que o Sr Ex-presidente pretende definir com mais eloquência o tal   "nós contra eles"?  O que pretende?  Um confronto nas ruas?  Iniciar uma guerra civil?

O cidadão contra o povo e o povo contra o cidadão em luta pelas suas bandeiras?

Discutem agora um tal plebiscito para que a população escolha a melhor forma de exercer a politica em nosso país.  Uma reforma política já esperada a tanto tempo.  Será que o povo sabe mesmo o que é melhor para ele?  Uns mais afoitos dizem que sim...que precisamos ouvir a Nação, já outros que o povo não tem discernimento para tanto.  Um exemplo interessante seria convocar o povo para escolher se deve ou não ser implantada a pena de morte, ou o fim do horário político gratuito na tv, ou quem sabe a queda dos salários dos governantes!!!!  O que o povo escolheria?

Sou a favor de plebiscitos, afinal de contas, não existe nada mais democrático.  Porém, é imprescindível que os eleitores tenham um mínimo de conhecimento sobre os mecanismos que estão julgando.
Todos sabem que o brasileiro médio não é politizado. Prova maior dessa verdade é a necessidade de termos eleições obrigatórias e não facultativas. O cidadão tem que ao menos ir  até a urna.  Dali pra frente é somente uma questão de propagandas ufanistas e apelos à civilidade do politicamente correto.

O fato interessante que se avizinha é a mobilização da população através das redes sociais se confrontando com as redes sindicais. Qual será o tema destas?  Melhoras salariais é óbvio, além de jornadas, benefícios e outros assuntos....mas os partidos estarão presentes?  É óbvio que estarão...corre-se o risco de choques entre manifestantes.  De um lado, um grupo querendo um PAÍS melhor, já do outro, pessoas querendo melhores condições salariais e benefícios.  Junto desses, partidos ditos trabalhistas desfraldando suas bandeiras de propaganda para "aproveitar" e se "amoitar" entre os participantes.  Assim, tomam a mesma proporção dos vândalos que se "aproveitaram" e se "amoitaram" nas manifestações recentes.

Dessa forma teremos então vários grupos distintos nas ruas.  Os vândalos, ladrões, assaltantes.   Os sindicalizados....Os militantes se aproveitando para "enfiar" proselitismo partidário, junto com os outros cidadãos exigindo vergonha na cara e honestidade nas administrações.

...pobre PM....além de conter e provavelmente combater excessos, ainda estarão divididos interiormente.

Uma sugestão para esses policiais militares é que;  tenham também em mãos alguns cartazes exigindo a implantação da PEC  300

Nessa salada em que todos tem razão,  o lema de nossa bandeira clama um pouco de atenção!!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS