TIJOLO ECOLÓGICO, COMO COMPRAR

Hoje, véspera de fim de mundo, e talvez, por causa disso, me veio uma pequena inspiração para responder a um cliente em visita à minha fábrica. O questionamento dele era o seguinte.
Como vou saber se um fabricante de tijolos ecológicos é ou não é sério? Se fabrica ou não fabrica um bom produto?
Bem...a princípio, a famosa "lei de Ricúpero" não é de toda falsa. Todos nós, sem exceção preferimos mostrar apenas o que é bom e, na medida do possível, esconder aquilo que não possa agradar. Faz parte da natureza humana ser assim. Logo, não condeno os que assim procedem, desde que não façam dessa lei, uma regra pétrea. Mas é possível sim, trabalhar dentro de algumas normas sem que, com isso, precisemos esconder tantas informações. Um tijolo ruim, geralmente pode ser, "bonito" vermelhinho,  bem acabado, lisinho que até brilha. O bonito, significa maquinário novo ou recentemente reformado. O vermelhinho, significa que tem menos cimento deixando que a terra, mais vermelha se sobreponha à cor. O "lisinho" que até brilha, significa que "não presta". Tijolo ecológico TEM QUE TER certa porosidade.
Minha resposta para o cliente foi a seguinte.  """-Sempre que você for visitar um fabricante, não se entusiasme com a aparência dos tijolos. Se são vermelhinhos, lisinhos etc. Procure saber com ele, ONDE ELE JOGA OS CACOS. Aqueles entulhos que toda fábrica tem, que dá muita dor de cabeça por não se poder reprocessar e acaba virando uma pequena montanha.
Quando observar um desses "cacos", repare na parte interna (a externa você já viu). Veja agora a "beleza interior".
Se esse fabricante não estiver fazendo um bom produto, você vai notar muitas bolinhas de terra pintando o caco. Vai perceber isso nitidamente. É claro que um ou outro pode vir a acontecer. O problema é quando todos são assim. Veja o tamanho dessas bolotas e a quantidade. Cada uma delas é só de terra. Um ponto ou vários que não apresentam resistência alguma. Se você jogar água, vão abrir como cáries enormes bem diante de seus olhos. Basta jogar um copo de água em cima. É batata.
Também podem existir pedaços grandes de cimento empedrado, brita, raízes, ...já foi encontrado até canivete. Isso EU MESMO VI!!!!!!!

Bem, eu não costumo escrever aqui muita coisa a respeito desse assunto, para não misturar o pessoal com o profissional.  Não é uma questão de vergonha de me expôr. Tudo o que escrevo, eu assumo e sustento.
Se estiver certo, tudo bem. Se estiver errado, não me oponho a me desculpar e principalmente, buscar me corrigir. Também não me envergonho disso.

Portanto, aproveito para deixar o site de contato de nossa fábrica. Eu e meu sócio, teremos prazer em atender qualquer pessoa com dúvidas na compra ou na fabricação do produto. Desde que tenha boa fé!

Então....se o mundo não acabar amanhã, estejam à vontade. Estaremos à disposição!


http://www.ecowalltijolos.com.br/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS