WHITE BLOC"S JÁ

O que é um protesto afinal?  Pelo que eu sei é, sair às ruas portando faixas e cartazes e brandindo palavras-de-ordem. Eventualmente ostentar fantasias, caracterizações ou coisas do gênero. Carregar apenas apetrechos sonoros e água. A quantidade de pessoas envolvidas é que irá chamar a atenção, além, é claro, de objetivações como os dizeres e escritos nas faixas e cartazes.

O que é "TERRORISMO" ???  Pelo que eu também sei. é a "implantação do terror", o quebra-quebra de patrimônio, as agressões, os tumultos, os saques, enfim, tudo aquilo que transforma uma simples manifestação numa verdadeira praça de guerra.

Como reconhecer um terrorista em potencial?  Simples. Questione a ele ou a ela sobre bom-senso, leis, regulamentos, etc. A resposta será sempre a mesma.  --"Fodam-se as leis...fodam-se os regulamentos, fodam-se os etecétras...".

Então, só resta mesmo aos manifestantes sérios se retirarem enquanto os terroristas assumem o palco. Evidentemente os policiais são chamados e tem por obrigação colocar ordem no distúrbio. Não podem e não devem ficar só olhando com cara de paisagem como se não tivessem nada com aquilo.  Tentam negociar e recebem os já conhecidos "fodam-se" seguidos de pequenos objetos arremessados.

Outra característica do terrorista é o "anonimato".  Enquanto policiais estão lá identificados por suas fardas e manifestantes se exibem corajosamente...os terroristas covardes (desculpem o pleonasmo) escondem as caras. Fazem o que fazem em bandos e se escondem nas saias dos limites da lei que os policiais TEM QUE SE MANTER!!!

Em Brasília outro dia, um grupo de TERRORISTAS VERMELHOS fantasiados de manifestantes, feriu gravemente muitos policiais que tentavam impedir que eles (os terroristas) invadissem um dos pilares da democracia que eles tanto odeiam. O STF.   Pais de família voltaram para casa depois de um dia de trabalho tentando conter esses marginais com escoriações e alguns nem voltaram pois precisaram de atendimento hospitalar.  Acho um absurdo ter uma força policial que NÃO PODE AGIR.
Acho um absurdo estudarem uma lei anti-terror que não possa ser obedecida por todos.  Primeiro há de se saber as razões dos terroristas e não o ato que praticam.

Esse grupo de criminosos então, depois de ter feito suas demonstrações de estupidez, é chamado com todas as honras a outro pilar da democracia que eles tanto odeiam, mas ainda se subordinam, pois é o pilar que ainda lhes sustenta financeiramente.

No Rio de Janeiro, um cinegrafista é morto brutalmente (e pelas costas) pela atitude covarde de dois rapazes que não sabiam o que faziam nem para que faziam. Ao que tudo indica, foram ALICIADOS pelos verdadeiros terroristas ocultos em respeitáveis listas de nomes.

Espero que surjam novos grupos então de manifestantes.  Já que a polícia não pode agir, já que os responsáveis por atos de barbárie não podem ser contidos por forças legítimas, então que se crie uma entidade para esse fim.  Talvez algo como os WHITE BLOC"S, sei lá.

Durante as manifestações, esse grupo arrancaria esses terroristas de suas "tarefas" e os "empacotaria" para entregá-los às autoridades.  Se aparecer um grupo assim....com certeza eu farei parte!

Afinal de contas, se querem mesmo "dividir" o país, vamos ajudá-los e subdividi-lo...!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TIJOLO ECOLÓGICO - PROBLEMAS COM UMIDADE NA CONFECÇÃO

COELHOS NA PISCINA

O CIDADÃO, O SÚDITO E SEUS ORIFÍCIOS